fbpx
facebook A cultura da puniçãotwitter A cultura da puniçãogoogle_plus A cultura da puniçãolinkedin A cultura da puniçãomail A cultura da punição

cultura-da-punição-300x168 A cultura da punição

Vamos falar sobre a cultura da punição?

Sem perceber você foi ensinado a um padrão de aceitação de que a vida é uma guerra e que só é vencedor quem ganha a batalha. Você foi ensinado que deve sentir vergonha quando não sabe de alguma coisa, quando erra ou quando é simplesmente diferente.

Você aprendeu que se não conseguiu é porque não é capaz. E aprendeu que deve ser capaz. E deve ser competente.

Aprendeu que ser competente é vencer na vida, dar certo. Se você tem um emprego médio já não deu certo.

Você também aprendeu que sofrer faz parte do esforço. Esforço com prazer é coisa de gente preguiçosa.

Você aprendeu que a sua opinião só deve ser dada quando você tem certeza do que está falando. E aprendeu que a melhor maneira de seguir o que acredita é lutando, literalmente.

Aprendeu que julgar faz parte e que todo mundo julga e tudo bem. Desde que não julguem você. Você aprendeu que não adianta reclamar por algumas coisas, elas não vão mudar. Aprendeu a se calar quando se sentia só e confuso. Porque isso é coisa de gente fraca.

E aí…. você perpetuou tudo o que aprendeu.

Mas isso tudo que você aprendeu na escola, na universidade, no trabalho e até mesmo na sua casa….

… chama-se cultura de punição e recompensa. Isso tudo é uma forma de coação, manipulação e abuso de poder.

Isso tudo que você aprendeu é uma das causas do aumento da depressão, ansiedade, pânico, burnout, insônia, estresse, alergias, gastrites. Você pode desaprender tudo isso!

 

Você pode ser responsável pela sua própria vida e suas escolhas.

 

Você pode ter uma mente mais saudável e relações mais justas.

Para você, para seus filhos e para todos.

Podemos ter uma vida com menos sofrimento e mais saúde mental.

Comecemos hoje reconhecendo o que aprendemos que não deveríamos ter aprendido.

Campanha pela saúde mental

Franciele Maftum

Gostaria de saber mais sobre esse e outros assuntos? Fique ligado em nossos canais, estamos sempre falando sobre o tema.

Comentários